Brasilidade, arte e cultura

-

Brasilidade, arte e cultura

Confira materiais que trabalham a riqueza e diversidade cultural e artística do nosso povo
Imprimir

O que caracteriza a identidade cultural brasileira, ou, em uma palavra, a brasilidade? É possível defini-la em um traço, uma cor ou etnia? Segundo o antropólogo Darcy Ribeiro (1922-1997): 

Capa Darcy Ribeiro, O povo brasileiro:
Foto: reprodução

… a sociedade brasileira assumiu diversas formas, variantes no tempo e no espaço, como modos sucessivos de ajustamento a distintos imperativos externos e a diferentes condições econômicas e ecológicas regionais.”

Darcy Ribeiro, O povo brasileiro: a formação e o sentido do Brasil, 1995.

O contato e o conflito entre diferentes povos e culturas presentes em nosso vasto território deram origem a diferentes maneiras de se organizar socialmente, se relacionar com o meio ambiente, expressões linguísticas, artísticas,  crenças, hábitos e costumes muito diversos.

É a multiplicidade e a diversidade que caracterizam nossa identidade social, cultural e artística. Como cantam Os Paralamas do Sucesso, “Häagen-dazs de mangaba / Chateau, canela-preta / Cachaça made in Carmo dando a volta no planeta”, versão de “Parate y Mira”, do grupo argentino Los Pericos.

Como essa riqueza pode ser trabalhada na educação? Os conteúdos sobre arte e cultura do CENPEC Educação evidenciam o mosaico artístico e cultural que identificam o nosso país. Confira!


Educação integral e cultura popular
De quantos, ritmos, danças e festas é feita a cultura popular brasileira?
Por que é importante conhecê-los na perspectiva da educação integral?
Veja na reportagem

Navegar pela diversidade de nossa língua é preciso!
A diversidade da língua reflete a riqueza cultural dos povos que a utilizam. Este mapa colaborativo reúne vídeos com os diversos falares em língua portuguesa. Traz também conteúdos formativos elaborados com a colaboração do professor Carlos Alberto Faraco (UFPR). Navegue!

Mapa da literatura brasileira
Especial que convida leitores de todas as idades, regiões e níveis de escolaridade a mergulhar na riqueza da literatura brasileira. Conheça obras e autores indicados por leitores de diversas regiões do país!

A cultura indígena dançada e cantada
A dança e a música são linguagens da arte sempre presentes entre os seres humanos em todos os tempos e espaços. Saiba como trabalhar a cultura indígena na escola.

História e cultura afro-brasileiras na escola
O Portal CENPEC Educação traz coletânea de materiais para ajudar professores a abordar esta temática fundamental em sala de aula. Acesse!

Marujada: história e cultura viva
Também conhecida como fandango, a marujada é uma dança típica do Nordeste e Norte do Brasil. Conheça este projeto sociocultural desenvolvido em Cocais do Alto (MG), que articula o ensino dessa expressão artística ao ensino de história e cultura popular.

A literatura popular nas quadras do cordel
“O cordel é uma história rimada. É o romanceiro do povo do sertão”, conta o poeta Cacá Lopes a respeito deste importante gênero literário autenticamente brasileiro. Leia a entrevista.

Rap e letramento
Brincar com rimas ao ritmo de rap: esta é a proposta inspirada na prática do rapper e educador P.MC com crianças e adolescentes. Conheça a oficina e experimente!

Rosana Paulino: a arte da representatividade étnico-racial
Primeira mulher negra a expor na Pinacoteca do Estado (SP) fala sobre arte, identidade cultural, racismo e gênero em encontro de formação do projeto Educação com Arte (CENPEC Educação/Fundação CASA).
Saiba mais!

Música na educação integral
A música envolve as pessoas em diferentes dimensões – física, afetiva, política, ética, cognitiva e também estética. Como explorar essa linguagem na educação integral? Confira na reportagem.

Panton pia’: histórias ameríndias ao lado da história brasileira
Devair Fiorotti, pesquisador e professor de Letras da UFRR, conta sobre projeto que envolve as artes verbais dos povos originários de Roraima. Leia mais na entrevista.

Mitos e lendas no ensino de ciências
Como trabalhar conteúdos de Ciências contemplando a diversidade cultural brasileira? Conheça esta oficina transdisciplinar entre ciências e literatura.