-

Lendo infográficos

Autora da oficina: Paula Baracat De Grande, doutora em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Atualmente, é Professora da Universidade Estadual do Paraná (Unespar - Apucarana).
Imprimir
O que é?

Oficina de leitura de infográficos, com foco nas relações entre imagem/símbolo e palavra.

Materiais

•  Computadores/tablets com acesso à internet.
•  Livros e revistas de divulgação científica.
• Cartolinas, papéis coloridos, lápis, canetinhas, cola, tesoura. 

Finalidade

• Trabalhar o gênero infográfico, com destaque à multimodalidade.
• Interpretar as representações em infográfico na visão científica.
• Pesquisar infográficos de tema determinado previamente.
• Organizar exposição em feira de ciências ou apresentações orais na aula. 

Expectativa

Desenvolver o letramento científico dos estudantes, promovendo a produção de sentidos na relação texto escrito-imagem em textos do gênero infográfico.

Público

Alunos do Ensino Fundamental e Médio

Espaço

Sala de aula, de computação ou biblioteca

Duração

2 a 4 encontros de 1h a 1h30

Início de conversa

A leitura não é uma habilidade neutra e uniforme que, uma vez aprendida, é aplicada nos mais diversos contextos. Cada texto tem características específicas, que variam de acordo com a situação comunicativa, o gênero do discurso, o contexto em que é produzido e circula etc. Por isso, é interessante ensinar o aluno a ler diferentes textos, com objetivos variados. Por exemplo, nas várias disciplinas escolares, as leituras requisitadas também são diversas e exigem que conhecimentos diferentes sejam mobilizados pelo leitor para construir os sentidos do texto.

Esta atividade tem como principal objetivo trabalhar a leitura nas ciências, introduzindo características dos textos científicos, principalmente às relações entre imagem, símbolo e palavra. A proposta tem como base o gênero infográfico. É importante integrar as atividades aqui indicadas a eventos ou conteúdos já planejados para a turma. A seleção de infográficos a serem lidos e produzidos deve estar relacionada a interesses dos alunos. Esse tipo de texto pode ser usado em apresentações de eventos escolares, como uma feira de ciências, ou da própria turma, como apresentação de seminários. O importante é integrar as leituras e produções dos alunos a práticas reais e significativas, não só ao estudo de conteúdos para avaliação.

Infográficos são textos multimodais, ou seja, que combinam escrita com imagens, números, símbolos e cores para explicara fenômenos ou processos na visão científica. Alguns infográficos integram reportagens ou artigos de divulgação científica. Outros são independentes. Na internet, encontramos inúmeros infográficos virtuais, interativos, que também combinam áudios e vídeos.

Na prática

Sugestão de encaminhamento

A depender da etapa escolar em que os alunos estão e de seus conhecimentos prévios, selecione os infográficos que vão compor seu planejamento. Esta oficina sugere um trabalho mais detalhado para o Ensino Fundamental II (5º a 9º anos).

Leitura coletiva
Aproveite um tema de interesse dos alunos ou algo que eles estejam estudando na disciplina de Ciências. A questão da energia (ou da falta dela), por exemplo, sempre é notícia nos jornais de circulação nacional e afeta o cotidiano das pessoas. Apagão, racionamento, petróleo, recursos energéticos mais limpos, construção de hidrelétricas podem ser palavras-chave para introduzir a questão e levantar os conhecimentos prévios dos alunos. Os recursos energéticos podem ser tema para um trabalho interdisciplinar, envolvendo Ciências, Geografia, História e Língua Portuguesa.

Energia solar como funciona
Infográfico energia solar: como funciona. Fonte: Painel Solar. Acesso em: abr. 2019.

O infográfico acima explica a captação de energia solar. As perguntas a seguir têm o objetivo de guiar a leitura desse material, focando a relação entre linguagens verbal escrita e não verbais.

• O que o infográfico explica?
• O que as setas vermelhas no alto da imagem indicam? 
• A energia do Sol é suficiente para o consumo humano? Como você sabe disso? 
• O que é necessário para gerar energia elétrica por meio da radiação solar, conforme a imagem?
• O que os traços pretos indicam na “Fazenda de painéis solares”? 
• Quais são as partes de uma placa de painel solar? 
• A corrente elétrica é gerada pelo deslocamento de elétrons. Você sabe o que são elétrons? Explique para a turma ou busque explicações. 
• Há outros termos que você desconhece? Quais? (Faça uma lista e consulte dicionários e enciclopédias.)
• Segundo o infográfico, a produção de energia solar gera algum resíduo? Há poluição?
• Em que região do Brasil a energia solar pode ser mais aproveitada? Qual é o potencial solar na região onde você mora? 
• A leitura do infográfico foi suficiente para compreender como os painéis solares geram energia? Restaram dúvidas?

Você pode fazer uma primeira leitura coletiva e depois dividir os alunos em grupos para pesquisarem mais informações sobre energias alternativas. As pesquisas podem ser apresentadas em um dia de seminários.

Após essa primeira apresentação, é importante identificar os conhecimentos adquiridos e as dúvidas presentes para orientar uma nova pesquisa. Faça com os estudantes uma tabela procurando organizar essas informações:

• O que já sei a respeito da geração de energia por painéis solares?
• O que ainda quero saber sobre esse tema?

Leitura em pequenos grupos
Agora, em pequenos grupos, oriente os estudantes a buscar mais informações que esclareçam as dúvidas. Em seguida, peça que completem a tabela. Vocês podem realizar pesquisas na internet, em revistas e livros de Ciências ou ainda consultar o professor de Ciências da escola.

Uma das dúvidas que podem surgir é: e à noite e em dias nublados? Os painéis solares dão conta de gerar energia nessas condições? Você pode questionar os alunos: O que vocês acham que acontece?

Você pode alimentar essa discussão com outros materiais. Sugerimos a reportagem em vídeo “Inovação em energia solar”, da Agence France-Presse (AFP), sobre uma estação de energia solar espanhola que produz eletricidade até durante a noite e em dias nublados. 

Fonte: AFP-BR Agência internacional de notícias

Após assistir ao vídeo com a turma, é importante relacionar as informações apresentadas na fala da repórter e do técnico entrevistado com as fotos que ilustram o processo de armazenamento da energia solar. É interessante estimular os alunos a discutirem as explicações e os dados trazidos pela reportagem. Por fim, você pode pedir que eles expliquem oralmente como a usina gera energia elétrica a partir da solar mesmo sem Sol, um exercício importante para o evento final que sugerimos: seminários sobre energia.

Há outros infográficos interessantes relacionados ao tema na internet. Confira: 
• GSolar – Energia Solar Fotovoltaica. Infográfico de como funciona o painel solar fotovoltaico.
• Biodieselbr. Energias alternativas.

Pesquisa sobre energia e busca de outros infográficos 
Proponha aos alunos que se dividam em pequenos grupos. Cada um ficará responsável por preparar uma apresentação oral sobre um tipo de energia, de preferência energia alternativa ou “limpa”. Marque com eles o dia para os seminários.

Cada grupo deve apresentar um tipo de energia, como ela é gerada, quais suas vantagens e desvantagens e como é seu uso no Brasil. Para explicar o processo de geração de energia, peça que os alunos utilizem ou produzam infográficos para a apresentação oral (impressos em cartazes ou digitais, se a escola tiver aparelho para projeção multimídia). É importante orientar os grupos na elaboração de um roteiro escrito da apresentação oral. Ele pode ser organizado em tópicos, apenas para ajudar no planejamento da apresentação, na sequência das informações e dos processos a serem abordados. Ajude os alunos na revisão dos infográficos e no ensaio das apresentações. 

Preparação do seminário 
Além do planejamento das apresentações orais de cada grupo, a turma como um todo deve preparar o evento. Os alunos devem divulgar o dia dos seminários para outras turmas, enviar convites à comunidade escolar, preparar uma programação a ser divulgada em cartazes pelos corredores e arrumar a sala para as apresentações.

Apresentação para a turma 
Cada grupo fará sua apresentação e haverá um período para perguntas após cada seminário. É importante que os alunos da turma façam anotações durante a apresentação dos outros grupos e elaborem perguntas. Após os seminários, os alunos podem realizar uma avaliação coletiva de cada grupo, apontando pontos fortes e fracos das apresentações orais e dos infográficos utilizados. 

Mais infográficos 
É importante selecionar infográficos adequados ao perfil das turmas, analisando os temas e formatos, de acordo com a complexidade da relação entre linguagem escrita e as outras linguagens exploradas nesse tipo de texto.

Acesse também:
História dos desenhos animados (infográfico do site ClickGratis
Qual o grande lance dos infográficos interativos?
Como fazer um infográfico: um guia com exemplos

Sites para criação de infográficos 
Infogram: http://infogr.am/
Easel: http://www.easel.ly/