Não abandone seu futuro

-

Não abandone seu futuro

Cenpec participa de campanha #ReviravoltaDaEscola contra a evasão escolar e pelo planejar o retorno seguro às aulas
Imprimir

Por Stephanie Kim Abe

Não abandone você mesmo
Recarregue pra recomeçar
Não desista
Resista sim”

Lexa, “Tamo Junto (Não Desista)”

Quem canta esses versos são Carlinhos Brown e Lexa em um dos vídeos da campanha TMJ Sempre. A inciativa da Globo e da Fundação Roberto Marinho em parceria com a UNICEF e quase 30 organizações sociais – entre elas o Cenpec – foi lançada em outubro de 2020.

Mas a campanha volta com força agora neste segundo semestre de 2021. A mobilização tem o objetivo de estimular adolescentes e jovens a continuar estudando neste período de pandemia. Nas redes sociais, novos vídeos com a participação de personalidades devem circular a partir de hoje para incentivar que adultos e responsáveis não deixem nenhuma criança fora da escola.

Veja a seguir o primeiro vídeo da campanha, com a participação da atriz Fernanda Montenegro:

Na plataforma TMJ Sempre, é possível acessar conteúdos gratuitos e dicas de como ajudar os(as) estudantes nessa empreitada e garantir os vínculos escolares enquanto algumas escolas permanecem fechadas. 


Direito à educação em risco

Anna Helena Altenfelder
Foto: reprodução

Anna Helena Altenfelder, presidente do Conselho de Administração do Cenpec, defende:

Está na hora de pensarmos e organizarmos a volta às aulas. Para isso, é fundamental exigir dos governos municipal e estadual seriedade, compromisso e investimento a fim de que todos(as) possam estar seguros(as) e se sentir seguros(as). Também é necessário pensar o acolhimento necessário, um planejamento pedagógico que escute, considere e apoie professores(as) e equipes escolares.”

Anna Helena Altenfelder

De acordo com o estudo Cenário da Exclusão Escolar no Brasil, desenvolvido pela UNICEF e Cenpec, 5,1 milhões de estudantes tiveram seu direito à educação negado com a pandemia.

Os maiores impactos da crise sanitária recaíram sobre estudantes de 6 a 10 anos: 41% das crianças e adolescentes nessa faixa etária não tiveram atividades escolares ou estavam fora da escola no final de 2020, contra 31,2% dos(as) adolescentes entre 15 e 17 anos e 27,8% do grupo entre 11 e 14 anos.

Saiba tudo sobre a pesquisa

Educação na pandemia

Nós do Cenpec temos acompanhado de perto os diversos aspectos que envolvem o debate sobre a educação no contexto de pandemia: dos desafios de gestores(as) e educadores(as) aos impactos nos(as) estudantes; da importância do acolhimento aos limites do ensino remoto; das orientações e protocolos sanitários à necessidade de busca ativa.

O intuito é divulgar materiais formativos e informativos que colaborem para a garantia do direito à educação de todos(as) os(as) estudantes e para a redução das desigualdades educacionais em nosso país.

Confira todos os conteúdos em #EducacaoNaPandemia


Veja também