Escolas Criativas: aprendizagem com sabor de inovação

-

Escolas Criativas: aprendizagem com sabor de inovação

Em entrevista ao Desafio Inova Escola, Maria Burdiel conta sobra a concepção deste material, que mostra como processo criativo do chef Ferran Adrià na gastronomia pode ser aplicado à educação
Imprimir

Que contribuições uma experiência de criatividade e inovação na gastronomia pode trazer ao campo da educação? Essa pergunta inusitada levanta diversas reflexões desenvolvidas na Coleção Escolas Criativas. Criada na Espanha, numa parceria da Fundação Telefônica com o famoso chef Ferran Adrià, a coleção está agora disponível no Brasil em versão traduzida e com download gratuito.

Ilustração: Escolas Criativas (reprodução)
Escolas Criativas (reprodução)

Com volumes voltados às equipes gestoras das escolas, e outros dirigidos aos professores, a coleção apresenta ferramentas e estratégias para implementar práticas de inovação e a criatividade no cotidiano escolar.

Para contar sobre a concepção e organização do material, o Desafio Inova Escola (Fundação Telefônica Vivo/CENPEC Educação) entrevistou Maria Burdiel, coordenadora da coleção na Espanha.

Coordenadora da Coleção Escolas Criativas
Foto: arquivo pessoal

É disso que se trata este projeto: uma mudança estrutural de toda a escola em direção a um modelo mais inovador e adequado ao nosso tempo, de um ensino que sabe que está formando estudantes para um futuro desconhecido, para o qual devemos oferecer ferramentas que ajudem a lidar com as mais diferentes áreas.”

Maria Burdiel

Para ler na íntegra, acesse o Desafio Inova Escola.


Veja também

Desafio Inova Escola: formação inovadora no ar!

Inovar é o desafio: destaques regionais

Elaboração e implementação de planos de inovação