Uma viagem pela cultura popular com Ricardo Azevedo

-

Uma viagem pela cultura popular com Ricardo Azevedo

Navegue pelo site deste grande escritor e pesquisador da cultura oral brasileira
Imprimir

“O livro é um lugar de papel e dentro dele existe sempre uma paisagem.
O leitor abre o livro, vai lendo, lendo e, quando vê, já está mergulhado na paisagem.
Pensando bem, ler é como viajar para outro universo sem sair de casa.”
(R. Azevedo)

Um convite a viajar pelas raízes culturais do Brasil: assim pode ser considerada a obra de Ricardo Azevedo. Da prosa à poesia, da ilustração à música, do cotidiano a questões subjetivas, da tradição popular às brincadeiras com palavras, o trabalho deste escritor, ilustrador, compositor e pesquisador paulista transita por formas, linguagens e temas os mais diversos, sempre com muito humor e imaginação. Como é o caso desta divertida entrevista inventada pelo autor: 

Cachorro: Ricardo, você tem medo de cachorro?

Ricardo: Só de cachorro bravo. Você é bravo?

Cachorro: Sinto vontade de morder gente que eu não conheço. Quem eu não conheço, para mim, é sempre um inimigo. E você? Gosta de morder?

Ricardo: Só quando alguém me trata mal ou diante de uma coisa muito injusta. Aí eu fico bravo.

Cachorro: Se você encontra uma comida gostosa mas está sem fome, costuma esconder a comida num buraco para comer depois?

Ricardo: Prefiro guardar na geladeira ou então no armário da cozinha.”

Ricardo Azevedo. Entrevista inventada com um cachorro (1999).
Leia também a entrevista com um papagaio.

O resgate de narrativas oriundas da tradição oral, tema que pesquisa desde a década de 1980, é uma das vertentes de seu trabalho. Muitas de suas histórias são releituras de contos populares, lendas, quadras, adivinhas e outras manifestações da tradição oral. Segundo Azevedo, esse rico acervo deve ser preservado não só como memória cultural, mas também como fonte de conhecimento. Armazém do folclore, Contos de enganar a morte No meio da noite escura tem um pé de maravilha! são algumas de suas obras com forte influência da cultura popular.

Literatura e cultura oral na rede

Que tal conhecer mais sobre cultura popular na obra deste autor? Em seu site, ele oferece informações sobre livros em catálogo, ilustrações, entrevistas e trechos de textos.

Sobre a temática cultura popular, há resenhas sobre diversas obras, como Contos de adivinhação (2008), Histórias de bobos, bocós, burraldos e paspalhões (2009), Contos e lendas de um vale encantado (2010) e Meu livro de folclore (2011). Também é possível obter informações sobre a tese de doutorado do autor, intitulada Abençoado & danado do samba: um estudo sobre o discurso popular (2013).

O site também oferece artigos teóricos sobre ilustração, literatura, cultura e música popular, educação, além de textos autobiográficos. Também é possível ouvir canções, algumas com letra e música do escritor, como “A casa do meu avô” (abaixo), outras compostas em parceria.

Canção “A casa do meu avô” (letra e música Ricardo Azevedo)

Acesse o site Ricardo Azevedo e viaje por suas palavras e imagens


Sobre o autor

Ricardo Azevedo. Reprodução

Autor de muitos livros para crianças e jovens, entre eles Um homem no sótãoA casa do meu avô, Trezentos parafusos a menos, Livro dos pontos de vista, Histórias de bobos, bocós, burraldos e paspalhões e Feito bala perdida e outros poemas. Ganhador de prêmios como Jabuti, APCA e outros, tem textos publicados em Portugal, Alemanha, México, França, Holanda e Costa Rica. É doutor em Letras pela Universidade de São Paulo (USP), pesquisador na área de cultura popular e professor convidado em cursos de especialização em arte-educação e literatura. Ministra palestras e escreve artigos sobre o papel da literatura de ficção na escola.