Panorama, da TV Cultura debate limites e possibilidades da tecnologia em sala de aula

Panorama, da TV Cultura debate limites e possibilidades da tecnologia em sala de aula

Nesta sexta-feira (01/09), o programa Panorama, da TV Cultura, debateu o uso da tecnologia na educação. Para abordar o tema foram convidados Mônica Franco, superintendente do Cenpec (Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária), e Alexandre Barbosa, gerente do Cetic.br (Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação, do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br)). 

Durante o programa, Mônica destacou que a infraestrutura nas escolas sempre será insuficiente para o tamanho da demanda, dada a constante inovação da área. E, que ao mesmo tempo, sua oferta é central: “não dá pra pensar a apropriação da tecnologia no contexto escolar, sem imaginar a oferta de infraestrutura adequada (…) Temos sempre que pensar qual é a potencialidade da tecnologia para o desenvolvimento de pessoas e de grupos, mas também o quanto a falta de alguns recursos pode aumentar as desigualdades”.

O gerente do Cetic destacou que as políticas públicas precisam estar atentas a três pilares: infraestrutura, recursos pedagógicos e formação de professores. Concordando, com o Alexandre sobre a importância destas três frentes, a superintendente do Cenpec chamou a atenção para o fato de que outros setores, como o Ministério da Ciência e Tecnologia, se comprometam com o avanço da infraestrutura tecnológica no país, e não apenas o Ministério da Educação.

Confira abaixo a íntegra do debate:

 

 

 

Compartilhar:

Deixe um comentário

You must be logged in to post a comment.

/* ]]> */