Cenpec promove exibição documentário “Meninos de Palavra” e debate

Produção traz registro inédito das oficinas de arte-educação realizadas pelo Projeto Educação com Arte 

Como parte das celebrações de seus 30 anos, o Cenpec promove exibição gratuita e aberta ao público do documentário “Meninos de Palavra”, de Fabrício Borges, seguida de debate sobre medidas socioeducativas. A atividade será realizada no CineSesc, em São Paulo (SP), em 18 de julho, terça-feira, a partir das 19h, e os ingressos serão distribuídos uma hora antes do início.

A película traz um registro inédito das oficinas de arte-educação realizadas pelo Projeto Educação com Arte com adolescentes que cumprem medida socioeducativa de internação em unidades da Fundação CASA. A partir de cenas do cotidiano dos jovens e das atividades das oficinas e de depoimentos de arte-educadores e de especialistas, o documentário retrata o poder da palavra – escrita, cantada ou encenada – neste universo “onde todos usam a havaiana azul, a mesma roupa e estão no mesmo lugar”, conforme aponta uma das entrevistadas.

“Se as pessoas conseguem construir, no pensamento, discurso escrito, com os recursos que o discurso escrito tem de explicação e de exposição, com certeza, os jovens terem esse discurso disponível colaborará muito para poderem se relacionar e se comunicar”, afirma, durante o filme, a coordenadora de projetos do Cenpec, Sônia Madi. “Parece que sobra a linguagem e, por isso, dar essa força para a linguagem. É o que resta para eles. É uma língua pela qual eles podem expressar esse sujeito, esse ser que eles são.”

Numa das passagens mais bonitas, um dos jovens aproveita para dar o recado, num rap intitulado “Lembranças”: “Minha mãe me ensinou a nunca desistir /Sempre pensando nela, me inspiro a progredir / Não escutei meu pai. Olha onde que eu estou / Privado da liberdade, as grades me ‘dominou’ / Sei que não é fácil passar pelo sufoco / Matando um leão por dia, eu aprendo mais um pouco / Finalizo aqui e passei minha mensagem / Para todas as periferias dentro da comunidade”.

cartaz

“Meninos de Palavra” foi concebido pelos educadores Daniela Schoeps, José Alves e Tamara Castro, sob a direção do cineasta Fabrício Borges, e convida à reflexão sobre questões como: por que criminalizamos e encarceramos nossas juventudes, sobretudo de famílias de baixa renda, com pouca escolaridade e, em sua maioria, negros e pardos? como as medidas socioeducativas podem ser um vetor que contribua para diminuir desigualdades educacionais históricas? quais políticas públicas podem melhorar esse cenário? como implementá-las e alcançar melhores resultados?.

Para discutir essas questões, após a exibição do documentário, com 30 minutos de duração, debatem com o público no CineSesc os seguintes convidados: Bruno Paes Manso – jornalista, escritor, doutor e pesquisador no Núcleo de Estudos da Violência da USP e colaborador da Ponte Jornalismo; Heloísa de Souza Dantas – psicóloga e professora de Pós-Graduação em Psicossociologia da Juventude da FESPSP e integrante do Núcleo de Política de Drogas do GREA-IPq-HC-FMUSP; MC Boy JM – rapper e ex-participante de oficinas culturais; e Carlos Caçapava – arte-educador do projeto Educação com Arte. A mediação fica por conta do educador P.MC.

Exibição do documentário e debate

Quando: 18 de julho, terça-feira
Horário: das 19h às 21h30
Onde: CineSesc
Endereço: rua Augusta, 2.075, Cerqueira César, CEP 01413-000, São Paulo (SP) – metrô Consolação, linhas verde/amarela
Capacidade da sala: 273 lugares (os ingressos gratuitos começam a ser distribuídos para o público às 18h)
Programação: boas-vindas; exibição do documentário; debate entre especialistas e público
Ficha técnica: Concepção: Daniela Schoeps, José Alves e Tamara Castro; Direção, fotografia e edição: Fabrício Borges; Som direto: Edson Pelicer, Fernanda Ribeiro, José Alves, P.MC, Tamara Castro e Tony Saga
Realização: Cenpec
Apoio Institucional: Fundação CASA e Sesc-SP

Compartilhar:

Deixe um comentário

You must be logged in to post a comment.

/* ]]> */